Enfrente a crise hídrica, sem correr o risco de contrair doenças

Os reflexos da crise hídrica estão prejudicando os serviços de limpeza das caixas d’água. De acordo com as reportagens divulgadas pela mídia, o motivo se deve ao medo dos consumidores em não conseguir reabastecer o reservatório após a limpeza ou de sofrerem represálias da vizinhança por “desperdiçarem água”.

 

Para a CLS Continental, que atua com excelência e compromisso na limpeza e impermeabilização de caixas d’água, tal visão desses temerosos consumidores é equivocada porque a manutenção da caixa tem que ser feita a cada seis meses por questões de saúde e de garantia da boa preservação da água, já que a falta de limpeza pode causar graves doenças intestinais e até esquistossomose.

 

Com o objetivo de tranquilizar os consumidores quanto ao medo de ficar na “seca”, a CLS Continental tem profissionais especializados para realizar a limpeza dos reservatórios residencial, comercial e industrial, sem desperdiçar uma gota de água.

 

Trabalhando com métodos modernos e devidamente credenciados pelos órgãos de saúde, a CLS Continental executa os serviços de limpeza e impermeabilização com responsabilidade e compromisso com sua clientela, sempre focados pela preservação da Saúde Pública.

 

E para que os consumidores fiquem mais tranquilos ainda para retomar a limpeza das suas caixas d’água, a própria Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) recomenda em seu site (www.sabesp.com.br) a limpeza periódica desses reservatórios.

 

Consulte a CLS Continental para limpar a sua caixa d’água com formas especiais de pagamento! É só clicar aqui.

Categories: caixa d'àgua, higienização de caixa d´agua, limpeza de caixas de condomínios

Tags: , , ,

    Leave a Comment

    Ne alii vide vis, populo oportere definitiones ne nec, ad ullum bonorum vel. Ceteros conceptam sit an, quando consulatu voluptatibus mea ei. Ignota adipiscing scriptorem has ex, eam et dicant melius temporibus, cu dicant delicata recteque mei. Usu epicuri volutpat quaerendum ne, ius affert lucilius te.