Muito mais do que um importante reservatório para garantir o abastecimento em imóveis residenciais e comerciais, as caixas d’água também podem representar uma ameaça à saúde como fonte de contaminação, se não forem higienizadas a cada seis meses. O alerta é da CLS Continental, que há 16 anos se mantém como referencial no setor de higienização de caixas d’água, impermeabilização, desentupimentos e controle de pragas.

De acordo com a CLS Continental, o descaso com a manutenção desses reservatórios pode favorecer a proliferação de bactérias causadoras de doenças como a dengue. E outro motivo para realizar a manutenção periódica das caixas d’água se refere à vistoria de suas estruturas, a fim de verificar possíveis rachaduras e infiltrações que podem exigir a troca imediata do reservatório. Outro problema que também pode acontecer é a má vedação do compartimento, permitindo a invasão e morte por afogamento de animais desde insetos até pombos.

E com a chegada das férias, não existe momento mais oportuno como esse para acionar a equipe da CLS Continental para caprichar na limpeza da sua caixa d’água. Enfocada no atendimento personalizado, a CLS Continental trabalha dentro dos padrões estabelecidos pela Vigilância Sanitária e Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb), seguindo as qualificações na NR7, NR9 e NR33 e NR35, exigidas por lei.

Quer saber mais informações sobre a CLS Continental? Clique aqui

Categories: caixa d'àgua, Caixas d’água, Novidades

Tags: